MANIPULAÇÃO DA VERDADE NA SAÚDE

Sim, a verdade faz bem à saúde. A verdade que está de acordo com a realidade e que constrói pontes nas relações entre pessoas, essa sim faz bem à saúde. Já os simulacros da verdade, que distorcem e manipulam os fatos, além de não contribuírem para o debate sadio, se transformam em propagandas enganosas.

Aliás, a verdade é requisito básico para um diálogo crítico, transparente e propositivo. Esbravejar por mais investimentos na área da saúde, sem contextualizar o modelo, não resolve o problema. Queremos, com toda a tranquilidade e respeito, aprofundar a discussão sobre o tema. No entanto, é preciso esclarecer alguns fatos sobre a verdade da saúde em nossa cidade.

Porto Alegre é a Capital brasileira que mais investe em saúde. São mais de 22% do seu orçamento; mesmo assim, nem todo esse dinheiro parece ser suficiente para resolver os históricos problemas nessa área. Esta é a realidade que precisamos enfrentar.

Já estamos colhendo frutos desses investimentos: temos a menor mortalidade infantil do Brasil (comparável apenas aos melhores índices mundiais), reduzimos em 25% a mortalidade por problemas cardiovasculares (um em cada quatro), diminuímos progressivamente os tempos de espera para atendimento (76% das especialidades médicas não apresentam fila de espera); para se ter uma ideia do avanço, pacientes com fraturas e que necessitam de cirurgia têm o acesso ao tratamento mais rápido do país.

Há mais de um ano o Hospital Municipal de Pronto Socorro dispõe de denominada UTI adulto (além da UTI de trauma pediátrico e da UTI de grandes queimados). O HPS está se modernizando e já promoveu adaptações internas que resultaram num aumento para 20 leitos de UTI adulto, possibilitando a ampliação e qualificação do atendimento aos usuários.

Avançamos na informatização das consultas eletivas. A fila de espera para ortopedia reflete a transição do modelo analógico ao digital. Optou-se por modelo inclusivo. Foram mantidos os cadastros dos pacientes – com nomes incompletos ou parecidos – sem registro de atendimento efetivado. Partiu-se, então, para a identificação de duplicidade de registro. Dentro do possível, os pacientes estão sendo contatados e o cadastro, corrigido. Além disso, consultas estão ocorrendo normalmente. Por ano, a Secretaria Municipal de Saúde, disponibiliza 13.216 consultas em ortopedia, e este número vem sendo ampliado progressivamente.

Tenho consciência de que é preciso fazer mais. Reconheço as dificuldades, mas estamos trabalhando, sem corporativismo e sem ranço político, para construir propostas que irão melhorar, de verdade, os serviços oferecidos na área da saúde para todos os porto-alegrenses.

* artigo publicado originalmente na página 2 do Jornal correio do Povo, edição do último domingo, 17 de janeiro.

2012: O ANO DAS COOPERATIVAS

Hoje é o dia internacional do cooperativismo.
E é um dia do cooperativismo muito especial.

A ONU destacou 2012 como o Ano Internacional das Cooperativas.

Hoje, assim, é um dia para comemorar – e para refletir.
O mundo cada vez mais acalenta sonhos e toca o dia a dia de forma coletiva.

Estamos aprendendo que vale a pena trabalhar de forma colaborativa
– e temos satisfação em nos relacionar de forma associativa.
A internet e as redes sociais deixam muito claro: compartilhar virou um gesto cotidiano.

Cada pessoa que, hoje, decide ser um cooperativado, não importa em que
área da economia, reforça a ideia de que é moderno e rentável conjugar,
acompanhar, reunir, convergir, agrupar-se.

Para citar um exemplo da nossa cidade, o Departamento Municipal
de Habitação (Demhab) tem o Programa de Incentivo ao Cooperativismo
Habitacional – além da elaboração de projetos e obras, o Demhab auxilia
na formação das cooperativas, prestando assessoria jurídica e urbanística.

Parabéns a todas Cooperativas. E parabéns especial às Cooperativas
de Porto Alegre. O cooperativismo está, na prática, aprimorando o mercado.
E transformando a sociedade.

FORTUNATI LEMBRA BRIZOLA E DESTACA AVANÇOS NA EDUCAÇÃO EM TEMPO INTEGRAL

O prefeito e candidato já homologado José Fortunati presta uma homenagem em seu blog pessoal a Leonel Brizola pela passagem do oitavo ano da morte do líder trabalhista, ocorrida nesta data em 2004. Fortunati destacou especialmente o permanente compromisso de Brizola com a qualidade na educação e as ações que empreendeu para a implantação e ampliação da escola em tempo integral. A íntegra do depoimento pode ser acessada em www. fortunati.com.br.

NOVAS ESCOLAS – No depoimento, Fortunati fez referência a cinco novas escolas que serão construídas pela prefeitura e já estarão em condições de receber alunos em tempo integral. São elas as escolas municipais de ensino fundamental (Emef) Vila Dique, Vila Nazaré, Quinta do Portal, Glória/Embratel e Durval Araújo. Com isso, vai avançar o programa de implantação, na próxima gestão, de 100% da educação integral na rede pública do município.

Hoje, 43% dos alunos são atendidos pelas propostas de educação integral, seja através da ação Cidade Escola, efetivada por meio de convênios em 55 estabelecimentos, seja através de atividades no contraturno na própria escola, como já ocorre em duas unidades (Emefs Neuza Goulart Brizola e João Goulart) e mais três em vias de implantação – Emefs Migrantes, Moradas da Hípica e Chapéu do Sol.

AGENDA – Fortunati participa neste sábado das convenções de dois partidos integrantes da coligação: às 10h na convenção do PP, na Câmara de Vereadores e às 11h na do PRB. No CTG Estância da Azenha, av. Aureliano de Figueiredo Pinto, 155.

Blog do Fortunati is using WP-Gravatar